Arquivo da categoria: Marcados pela Vida

Marcados pela vida – capitulo 50 – ÚLTIMO CAPÍTULO

CLASSIFICAÇÃO MARCADOS PELA VIDA

*ÚLTIMO CAPÍTULO*

CENA 1. INTERNATO. INTERNO. TARDE.

Cilene desconversa.

CILENE – Eu não fiz nada, sua vagabunda.

SUZANA – Eu não sou vagabunda, sua falsa.

CENA 2. CENAS DE RIO DE JANEIRO. TARDE à NOITE à DIA DO DIA SEGUINTE.

CENA 3. TRIBUNAL. INTERNO. DIA.

Era a hora. Cilene é levada pela diretora para o tribunal e todos os envolvidos vão até lá.

JUIZ – Ordem! Ordem! Senhora Cilene Villa Nova Fernandes, você terá que responder aos seguintes processos: invasão de privacidade contra Marizete Bastos e tentativa de sequestro contra Adriana Alcântara Diniz.

Cilene ataca.

CILENE – Eu? Não fiz nada disso não…

E Adriana defende.

ADRIANA –  Você não fez isso? Tenho minha marca perto da minha boca até hoje! Você invadiu minha casa só porque tinha ciúmes do Jurandir! O JURANDIR NÃO AMA VOCÊ E NUNCA VAI TE AMAR PORQUE VOCÊ É ARROGANTE, TERRÍVEL E ORDINÁRIA, E SEMPRE VAI SER ASSIM!

JUIZ – Silêncio!  Ordem na sala!

CILENE – Ninguém te aguenta, não, né, sua vagabunda, nunca trabalhou!!

ADRIANA – Tá me chamando de vagabunda? Olha aqui, eu trabalho!

JUIZ – Silêncio! E Sra. Villa Nova Fernandes, e enquanto à invasão a casa de Marizete Bastos e Maurício Dourado?

CILENE – Eu filmei sim. Para me vingar de Marizete. Não aguentava o emprego chato na empresa ridícula dela. Eu queria subir na vida, sim. Já me vinguei da minha irmã, Milena, e a próxima era Marizete, e não deu certo. Acabei sendo expulsa de casa. Logo, ia me vingar de Cléo Bacelar, mas cai na armadilha da filha dela, Alice Bacelar. E esta me desmascarou na frente de todos, ela me disse que eu era uma mau-caráter.

Todos ficam surpresos.

JUIZ – E uma pergunta que ninguém quer calar. Quem matou a Maria Luiza Batista?

RAFAEL – Fui eu.

ALICE – Como assim?

RAFAEL – Fui eu, sim, Fausto, seu 2º pai, me chantageou e me colocou contra a parede. Ele me falou, “Mata Maria Luiza ou não?”. Não tive escolha. Matei-a com um tiro na cabeça.

JUIZ – Rafael Fernandes, você está preso a 25 anos de cadeia por homicídio culposo, e Cilene Villa Nova Fernandes, você está condenada a morte numa cadeia de segurança máxima.

Rafael e Cilene vão para a cadeia.

CENA 4. CENAS RIO DE JANEIRO. DIA à TARDE.

CENA 5. CASA DE MARIZETE. QUARTO DE NINA. INTERNO. TARDE

Depois da audiência, Marizete e Armando chegam ao quarto de Nina e recolhem todas as coisas dela. Depois jogam-as no lixo.

MARIZETE – Ainda bem que nos livramos dela.

ARMANDO – Para que precisamos dessas coisas de Nina? Ela já está morta e não precisamos mais dela. Somos mais felizes agora.

MARIZETE – Você sabe o nome do seu filho, Armando?

ARMANDO – Filho, não. Filha! O nome dela é Ana Clara.

Milena vem com o bebê. Milena e Armando arrumam o quarto.

MARIZETE – E então… E sua casa? Você não vai mais morar lá?

MILENA – Deixei a casa para Adriana morar. Ela vai se casar. Nós fomos convidados ao casamento dela com Jurandir. Eu vou morar aqui, vou chamar o Rodolfo para morar nesta casa.

Milena liga para Rodolfo.

MILENA – Rodolfo! Sou eu, Milena. Quer se mudar de casa junto comigo? Alberto está esperando por você.

RODOLFO – Aceito! É claro que aceito!

CENA 6. CASA DE CLÉO. SALA DE ESTAR. INTERNO. TARDE

Alice conversa com Rodolfo depois da ligação dele com Milena.

ALICE – Rodolfo, tudo bem?

RODOLFO – Tudo bem, Alice. A gente se encontra hoje, no casamento da minha ex-empregada, Adriana?

ALICE – OK. Nosso primeiro encontro está marcado.

CENA 7. CASA DE MARIZETE. SALA DE ESTAR. INTERNO. TARDE

As famílias de Marizete e Milena se reúnem.

MARIZETE – E então Milena, gostou do meu vestido?

MILENA – Gostei, e você gostou do meu?

MARIZETE – Achei legal!

Armando chega na conversa.

ARMANDO – Vamos, vamos, não queremos chegar atrasados no casamento de Adriana e Jurandir.

MARIZETE – Pode deixar.

CENA 8. PRAIA DE IPANEMA. EXTERNO. TARDE.

Neli, Milena, Marizete, Abigail e Cléo se encontram e trocam carinho entre elas. Depois elas se sentam em seus respectivos lugares, junto com o resto dos personagens.

PADRE – Estamos aqui para mais um casamento, esta vez entre Adriana Alcântara Diniz e Jurandir Fernandes.

Pausa.

PADRE- Adriana, você aceita se casar com Jurandir Fernandes?

ADRIANA – Aceito!

PADRE – E Jurandir, você aceita se casar com Adriana Alcântara Diniz?

JURANDIR – Sim, é claro… que eu aceito.

Adriana e Jurandir se beijam. Todos aplaudem.

CENA 9. CENAS RIO DE JANEIRO. TARDE à NOITE.

CENA 10. PRAIA DE IPANEMA. EXTERNO. NOITE.

Era a festa de casamento de Adriana e Jurandir. Todos se divertem. E Agenor pede em namoro a Neli.

AGENOR – Neli… Adoraria te conhecer.

NELI – Eu também. Meu nome é Neli.

AGENOR – E o meu é Agenor. Prazer.

Agenor beija Neli à força e ela não resiste.

Continua a festa. Todos os personagens da novela vão até o mar pedir seu maior desejo.

E Neli, Marizete, Abigail, Cléo e Milena terminaram felizes com suas respectivas famílias. Neli deixou Heitor e se mudou para a casa de Agenor junto com as filhas. Marizete e Milena construíram seu próprio negocio de joias, junto com Abigail. Cléo encontrou emprego como secretária da empresa de Marizete.

FIM

 

ÍNICIO : 23 DE MARÇO DE 2015

FIM : 29 DE MAIO DE 2015 EXIBIDA EM 50 CAPÍTULOS 

anigif

6544

Anúncios

Marcados pela vida – capitulo 49 – PENÚLTIMO CAPÍTULO

CLASSIFICAÇÃO MARCADOS PELA VIDA

CENA 1. 14ª DP. INTERNO. TARDE.

Plínio bate em Bruno mais uma vez.

BRUNO – Calma garoto…

PLÍNIO – Calma não!

Plínio bate muitas vezes em Bruno e tortura-o até a morte. Bruno cai morto, cheio de sangue. Todos revoltados. Danilo vê.

DANILO – Plínio Patarra!

PLÍNIO – Eu!

DANILO – Acaba de ser condenado! Vai para a solitária! E vai ficar lá! Para sempre! E nunca mais vai fugir.

Danilo encerra Plínio na solitária.

CENA 2. CENAS RIO DE JANEIRO. TARDE à NOITE.

CENA 3.  PRAIA DE IPANEMA. EXTERNO. NOITE

Emerson e Odete tomam banho de mar. Carolina e Juliana admirando.

CAROLINA – Acho que os dois são um perfeito casal. Não acha, Juliana?

JULIANA – Concordo!

Agenor entra na cena.

AGENOR – Carolina! Filha!

CAROLINA – Como eu sou sua filha? (música: Stay, Low)

AGENOR – Foi realizado um teste de DNA!

Carolina revê o pai. Os dois choram e se abraçam.

AGENOR – Nunca mais me abandone!

CAROLINA – Eu não te abandonei! A culpa foi da tua ex-mulher!

AGENOR – Sei… Mas ainda bem que não está lá.

 

CENA 4. CASA DE MILENA. INTERNO. NOITE

Adriana conta a novidade a Milena.

ADRIANA – Tenho uma novidade para você.

MILENA – Qual é a novidade?

ADRIANA – Eu não vou mais trabalhar aqui.

MILENA – Por quê? Você é necessária no serviço!

ADRIANA – Eu vou me casar. Com o Jurandir. É que o Jurandir se separou de Cilene e me pediu em casamento.

MILENA – Parabéns!.

CENA 5.  CENAS RIO DE JANEIRO. 3 SEMANAS DEPOIS.

CENA 6.  CASA DE ODETE. INTERNO. DIA

Reunidas na casa de Odete, ela, Clarice, Lygia e Alice ouvem gritos dos fãs.

CLARICE – Não acredito!

ALICE – Gente, nós somos famosas!

Odete abre a porta e eram os fãs! (som: Radio Bomb, Matthew Good Band)

FÃ #1 – Me dá um autógrafo? Adoramos seu vídeo!

ALICE – Claro que sim!

Em meio ao tumulto, a banda assina os autógrafos dos fãs.

FOTÓGRAFO – Querem uma sessão de fotos para divulgar sua banda?

CLARICE – Por mim, tudo bem!

FOTÓGRAFO – Vamos!

Começa a sessão de fotos.

CENA 7.  CASA DE MARIZETE. SALA DE ESTAR. INTERNO. DIA

Marizete descobre que o vídeo da transa dela e de Maurício caiu na rede.

MARIZETE – Só pode ser a Cilene quem fez essa barbaridade!

MAURÍCIO – Vou ligar para o Jurandir agora!

Maurício liga para Jurandir.

MAURÍCIO – Jurandir!

JURANDIR – Bom dia! Posso te ajudar?

MAURÍCIO – Você conhece a Cilene?

JURANDIR – Cilene é minha ex-mulher!

MAURÍCIO – Fale para ela que já descobrimos quem divulgou na internet a transa entre eu e Marizete.

JURANDIR – Só faltava essa!

MAURÍCIO – Fale para a diretoria do internato, que se a Cilene escapar, ela já era!

JURANDIR – Deixa comigo!

CENA 8. CASA DE CLÉO. SALA DE ESTAR. INTERNO. DIA

Téo chega à casa de Cléo e se declara.

TÉO – Agora é oficial. Você quer namorar comigo pelo resto de nossas vidas?

CLÉO – Sim, eu quero!

Os dois colocam anéis de compromisso um no outro, e se beijam. (música: Speak Our Minds, The Innocence Mission).

LETÍCIA – Ah que lindo!

ZOÉ – Lindo mesmo!

Leticia aproveita o momento e beija Nicolau, assim como Zoé, que beija Ricardo.

CENA 9. CASA DE ABIGAIL. SALA DE ESTAR. INTERNO. DIA

Patrícia conta uma coisa assustadora a Abigail.

PATRÍCIA – Mãe…

ABIGAIL – Que foi?

PATRÍCIA – Tua amiga, Marizete, e o marido dela, o Maurício, foram as novas vítimas da rede. Um vídeo intimo envolvendo-os caiu na rede e a culpada foi a ex-sócia da empresa de Marizete, Cilene.

ABIGAIL – Vou ir para lá agora.

CENA 10. CASA DE MARIZETE. SALA DE ESTAR. INTERNO. DIA

Abigail vai para a casa de Marizete e decide resolver o problema dela.

ABIGAIL – Bom dia!

MARIZETE – Bom dia! Ainda bem que você veio!

ABIGAIL – Vim te ajudar, não quero você deprimida desse jeito. Eu tenho o meu marido, Mário, ele pode ser teu advogado. Ele vai fazer uma petição na Justiça contra a Cilene, a dona do vídeo.

MARIZETE – Como você sabe disso?

ABIGAIL – Minha filha ficou sabendo. Ela viu o vídeo.

MARIZETE – Gostei da ideia, obrigada por me ajudar!

CENA 11. CENAS RIO DE JANEIRO. DIA à TARDE.

CENA 12. PRAIA DE IPANEMA. EXTERNO. TARDE

Mário e Armando conversam entre si. E Mário se encontra com Abigail.

ABIGAIL – Mário, posso conversar com você?

MÁRIO – Sim! Você é minha mulher e pode falar o que quiser!

ABIGAIL –Você pode ser o advogado da Marizete no processo do vídeo intimo?

MÁRIO – Como assim?

ABIGAIL – A Cilene, a ex-mulher do Jurandir, colocou uma câmera no quarto da Marizete e Maurício, e filmou o momento em que os dois transavam. A Cilene filmou tudo! A Marizete quer dar troco na Cilene. Precisamos que a Marizete vença o processo do vídeo intimo.

MÁRIO – Então como vai ser?

ABIGAIL – Tribunal, amanhã, às 9 e meia da manhã.

MÁRIO – Fechado.

ARMANDO – Fechado. Estarei defendendo minha irmã.

CENA 13.  INTERNATO.  INTERNO. TARDE

A diretora chama Cilene na diretoria.

DIRETORA – Cilene, um telefone.

Cilene atende o telefone. Era Jurandir.

CILENE – Jurandir?

JURANDIR – Escute, Cilene, amanhã às 9h30 você tem que se apresentar no tribunal, a Diretora já está sabendo. Você está prestes a ser processada.

CILENE – Processada?

JURANDIR – Sim, porque foi você quem divulgou o vídeo intimo de Marizete e Maurício! O próprio Maurício me contou!

CILENE – Eu vou vencer esse processo! Nada pode me deter! Ninguém pode provar que fui eu quem publicou esse vídeo!

CENA 14. CASA DE ODETE. SALA DE ESTAR. INTERNO. TARDE

Alice, Odete, Lygia e Clarice chegam da sessão de fotos! Todas chegaram felizes com o resultado. Depois Cléo liga para Alice.

ALICE – Mãe?

CLÉO – Alice? Tudo bem? Se divertindo?

ALICE – Sim. Estou bem!

CLÉO – Beijos, e tome cuidado!

ALICE – Beijos, claro que sim.

CENA 15. CASA DE NELI. SALA DE ESTAR. INTERNO. TARDE

Neli liga para Marizete.

NELI – Não fique assim! Eu estarei no tribunal, a essa mesma hora.

MARIZETE – Esteja lá, você e suas filhas, por favor!

NELI – Não se preocupe a gente vai estar lá.

Acaba a chamada.

HEITOR – Que foi? Não me convidaram?

NELI – Olha aqui, tribunal não é festa. Tribunal é a hora da verdade. Estou de olho em você.

HEITOR – Como assim?

NELI – Não é brinquedo, não! Nas últimas sessões de audiência de tribunal, você riu de mim!

Heitor vai ao quarto dele.

CENA 16. INTERNATO. INTERNO. TARDE

Cilene dá um chilique e Suzana bate na cara.

SUZANA – Assim não se faz. Amanhã você vai para o tribunal. Pagar pelos seus pecados.

6544

 

Marcados pela vida – capitulo 48 – ÚLTIMA SEMANA

CLASSIFICAÇÃO MARCADOS PELA VIDA

CENA 1. PRAIA DE IPANEMA. EXTERNO. DIA

Armando e Milena se beijam, mas Milena desmaia.

ARMANDO – Você está bem, Milena?

MILENA – A bolsa estourou! Meu bebê vai nascer!

ARMANDO – Vamos rápido para o hospital! (A Marizete) Marizete liga para o ginecologista, rápido!

MARIZETE – Fiquem tranquilos! Todo vai dar certo!

CENA 2. CENAS RIO DE JANEIRO. DIA à TARDE

CENA 3. CASA DE RAFAEL E BERENICE. SALA DE ESTAR. INTERNO. TARDE

Berenice fica arrependida pelo sumiço de Júlia e decide assumir.

BERENICE – Posso te falar uma coisa?

RAFAEL – Desembucha logo!

BERENICE – Sabe a Júlia, a professora? Eu a matei com 9 tiros na praia de Ipanema, ontem a noite. A Júlia estava passeando e pegava fotos suas. Eu vi a cena e a matei.

Dalila se choca.

RAFAEL – Não acredito… pensei que você era boazinha… só que não! Tentou prejudicar sua filha falecida e pior, matou a minha ex-amante! Vou ligar para a policia, você tem que pagar por seus crimes!

BERENICE – Não pode fazer isso comigo! Você é um falso, arrogante, estúpido! Você era um péssimo diretor e pai! Deixou as dívidas levarem com você!

RAFAEL – Sei disso, mas agora chega! Quero logo o divórcio.

CENA 4. HOSPITAL TUDO PARA VIVER. SALA DE PARTO. INTERNO. TARDE

Armando estava ansioso pelo nascimento do bebê de Milena. O Dr. Cotrim fez o processo de parto e o bebê veio ao mundo.

CENA 5. 14ª DP. INTERNO. TARDE

Maria do Carmo foi presa e reencontra Vânia.

MARIA DO CARMO – Vânia! Que bom te ver!

VÂNIA – Você não ia acabar com a Heloísa?

MARIA DO CARMO – Eu acabei com ela!

VÂNIA – E a irmã de Heloísa? Cadê ela? Eu queria ela morta!

MARIA DO CARMO – Ela fugiu, eu agredi ela no videoclipe de sua banda e cá estou eu!

VÂNIA – Sua vadia! Vai para o quinto dos infernos! (a Daniela, uma das presidiárias) Daniela, por favor, manda a Maria do Carmo para o 5º andar e joga ela lá do alto, quero ela MORTA!!

DANIELA – Deixa comigo!

Daniela leva Maria do Carmo para o 5º andar e joga do alto. Maria do Carmo acabou morta e Vânia vai para a cela do castigo.

CENA 6. INTERNATO. INTERNO. TARDE

Berenice é levada ao internato depois de comprovar que ela está louca. No internato ela se encontra com Cilene.

BERENICE – Quem é você?

CILENE – Cilene Villa Nova Fernandes.

BERENICE – Cilene, bom te ver!

CILENE – Bom te ver também, otária!! Você me levou para o inferno!

Cilene dá um tapa em Berenice.

BERENICE – Você é safada, não faz nada, e nunca fez nada em sua vida! Sua mentirosa!

DIRETORA DO INTERNATO – O que está acontecendo?

BERENICE – Que bom que veio! Cilene está me xingando e falando mal de mim!

SUZANA – Vamos a acabar com isso.

Suzana, uma das garotas do internato, leva Cilene lá do 3º andar do internato onde aplicam choques elétricos.

CENA 7. CASA DE MILENA. SALA DE ESTAR. INTERNO. TARDE

Jurandir conversa com a Adriana sobre Cilene.

ADRIANA – E então? E a Cilene?

JURANDIR – Cilene foi mandada de volta para o internato e está recebendo tratamento de choque para melhorar seu comportamento.

ADRIANA – Ainda bem. Pelo menos, temos um tempo para nós!

JURANDIR – Finalmente!

Pausa. Jurandir pede Adriana em casamento.

JURANDIR – Posso te pedir em casamento?

ADRIANA – Claro!

6544

Marcados pela vida – capitulo 47 – ÚLTIMA SEMANA

CLASSIFICAÇÃO MARCADOS PELA VIDA

CENA 1. CASA DE CLÉO. QUARTO DE ALICE. INTERNO. NOITE
Alice insere o vídeo na internet e o numero de visitas explode.
CLÉO – Tá vendo, Alice? Não tá vendo a quantidade enorme de visitas?
ALICE – Não sabia!
Depois Lygia vê uma quantidade enorme de fotógrafos.
LYGIA – Calma Alice, vou ligar para Clarice e Odete, elas tem que saber o que está acontecendo!
ALICE – Claro, vai rápido, pede para elas vir até aqui.
CENA 2. CASA DE ODETE. SALA DE ESTAR. INTERNO. NOITE
CLARICE – O quê? Fotógrafos interessados no vídeo? Interessante…
LYGIA – Então, Alice no inicio foi pessimista devido à interrupção do vídeo por causa da briga entre ela e a Maria do Carmo. Mas acabou tudo dando certo!
CLARICE – Sério? Já estou saindo para lá!
LYGIA – Agora, te conto… A Maria do Carmo já foi denunciada pela polícia!
CENA 3. PRAIA DE IPANEMA. EXTERNO. NOITE
Maria do Carmo é interditada por policiais.
MARIA – Eu não fiz nada! Eu não bati em Alice Bacelar!
DANILO – Vai sonhando, garota! Vimos o vídeo da Alice e você bateu nela sim.
Maria do Carmo tenta fugir da policia e acabe se chocando contra um muro.
DANILO – Maria do Carmo, você está presa, tem direito a um advogado……..
CENA 4. CENAS RIO DE JANEIRO. NOITE  DIA. 7 dias depois (som: Veneno da Lata, Fernanda Abreu)
CENA 5. PRAIA DE IPANEMA. EXTERNO. DIA
7 dias se passaram. Marizete e Maurício se preparam para o casamento.
PADRE – Maurício Dourado, aceita se casar com Marizete Bastos?
MAURÍCIO – Aceito.
PADRE – E Marizete Bastos, você aceita se casar com Mauricio Dourado?
MARIZETE – É claro que aceito!
PADRE – Vocês são agora… Marido e mulher!
Marizete e Maurício se beijam. Todos comemoram.
CENA 6. CASA DE ABIGAIL. SALA DE ESTAR. INTERNO. DIA
Enquanto Terê faz o almoço, ela tem uma previsão.
PATRÍCIA – Tudo bem? Está meio esquisita…
TERÊ – Não estranhe… A sua mãe está grávida de Mário.
PATRÍCIA – Ou que? Por que você está falando isso?
TERÊ – Você vai ter uma irmã!
PATRÍCIA – Viva! Tomara que isso seja verdade!
CENA 7. RESTAURANTE BOM GOSTO. INTERNO. DIA
Neli se encontra com Frederico, mas Heitor fica enfurecido.
HEITOR – Frederico!!!
FREDEIRCO – Não faça isso comigo!!!
Heitor bate em Frederico.
NELI – Heitor, você está bem? É encontro de amigos!! Vamos para casa, melhor assim! (a Frederico) Acabou! Ouviu? Acabou!
Neli e Heitor vão embora.
CENA 8. CENAS DE RIO DE JANEIRO. DIA  DIA. 7 DIAS DEPOIS.
CENA 9. PRAIA DE IPANEMA. EXTERNO. DIA
Era o casamento de Milena e Armando.
PADRE – Milena Villa Nova, você aceita se casar com Armando Bastos?
MILENA – Aceito!
PADRE- Armando Bastos, você aceita se casar com Milena Villa Nova?
ARMANDO – Aceito!!
PADRE- Agora são marido e mulher! Podem se beijar.
Armando e Milena se beijam. (música: The Nude, Catherine Wheel)

6544

Marcados pela vida – capitulo 46 – ÚLTIMA SEMANA

CLASSIFICAÇÃO MARCADOS PELA VIDA

CENA 1. 14ª DP. INTERNO. DIA.
Plínio contesta as perguntas de Danilo.
PLÍNIO – Eu não matei o Luciano Pederneiras!
DANILO – Silêncio! Claro que você o matou, inclusive você matou mais algumas pessoas com o seu Elantra preto, a começar pela morte de Pedro Villa Nova.
PLÍNIO – Eu matei o Pedro Villa Nova porque eu não o aguentava mas. Um dia, eu fui até a casa do William Villa Nova… e procurei pelo filho dele. Só que ele recusou-se a me atender. Foi em esse momento que decidi tirar os freios do carro de Pedro Villa Nova.
CENA 2. CENAS RIO DE JANEIRO. DIA  TARDE.
CENA 3. CASA DE MILENA. SALA DE ESTAR. INTERNO. TARDE
Celina conversa com Milena e Armando.
CELINA – Boa tarde!
MILENA – Boa tarde!
CELINA – Preciso falar com você, sobre a morte de seu filho.
MILENA – O Rodolfo?
CELINA – Não. O Pedro. A morte dele foi o estopim das mortes efetuadas pelo Elantra. O dono do carro é Plínio Rossini Patarra.
MILENA – O ex de Abigail? Ainda bem que ela o deixou.
CELINA – Tem certeza? Como você sabe?
MILENA – Sim. Abigail, Marizete, Neli, Cléo e eu fizemos um pacto de vingança e está quase concluída. José e William mortos. Heitor recomeçou a vida. Plínio é o suspeito numero 1 dos assassinatos. Só falta o castigo de Fausto.
CELINA – Fausto?
MILENA – Sim. Espere só para ver.
CENA 4. RUA VISCONDE DO PIRAJÁ. EXTERNO. TARDE
Fausto manda matar Plínio.
FAUSTO (no telefone) – Seguinte… mande matar o Plínio Patarra. Já encheu a minha vida por hoje.
Cléo o pega no flagra, fotografa e liga para Danilo.
CLÉO – Boa tarde! Por favor, prenda o Fausto, já está mandando matar alguém.
Fausto entra logo de cara.
FAUSTO – O que é isso?
CLÉO – Para, você é um criminoso!
Fausto joga Cléo no chão e os dois brigam. Téo intervém.
TÉO – Para logo com isso, Fausto!
A polícia vem logo na cena.
DANILO – Quem é Fausto Bacelar?
FAUSTO – Eu!
DANILO – Você está preso por ter agredido Cléo Bacelar!
Danilo prende Fausto na hora.
CENA 5. CASA DE MARIZETE. SALA DE ESTAR. INTERNO. TARDE
Armando conta o que descobriu a Marizete.
ARMANDO – Eu te conto… O Plínio matou um dos filhos da minha namorada!
MARIZETE – Então foi o ex de Abigail! Aquele safado que tentou matar o meu sobrinho!
ARMANDO – Quer dizer… MEU FILHO!
MARIZETE- Calma… Não fique assim… Ele está vivo.
CENA 6. CENAS RIO DE JANEIRO. TARDE  NOITE.
CENA 7. CASA DE CLÉO. QUARTO DE ALICE. INTERNO. NOITE.
Zoé conversa com Alice.
ZOÉ – Desista da divulgação do vídeo!
ALICE – Não posso, quero ser famosa!
Cléo entra na cena e dá uma bronca em Alice.
CLÉO – Deixa de ser teimosa e tenha paciência!
Lygia entra.
LYGIA – O que está acontecendo aqui?
CLÉO – Calma, a Alice está nervosa.
LYGIA – Calma, eu sou sua amiga, qualquer coisa eu estou aqui.

6544

Marcados pela vida – capitulo 45 – ÚLTIMA SEMANA

CLASSIFICAÇÃO MARCADOS PELA VIDA

CENA 1. RUA VISCONDE DO PIRAJÁ. EXTERNO. DIA

Agenor vai atrás de Luciano, que está levando Vicente.

AGENOR – Solte o Vicente! Solte ele!

Um tiro misterioso atinge a nuca do Luciano.

LUCIANO – Meu Deus!! Minha nuca!

AGENOR (a Vicente) – Vicente, você está bem?

VICENTE – Sim, eu estou bem.

LUCIANO – Minha nuca! (a Vicente) Garoto, você vai pagar por isso!

Luciano tenta agredir Vicente mas o agressor cai e morre.

CENA 2. CENAS DO RIO DE JANEIRO. DIA à TARDE.

CENA 3. PRAIA DE IPANEMA. EXTERNO. TARDE.

Um grupo de pessoas assiste a gravação do vídeo da banda de Alice. E Maria do Carmo critica.

MARIA – Vagabunda!

Para o vídeo, e Maria e Alice trocam farpas.

ALICE – Para de fazer isso!

MARIA – Escuta aqui. Esse vídeo e esse exibicionismo são para o seu namoradinho, não é? Explica isso na delegacia.

ALICE – Eu não fiz nada. Você está cada vez antipática, mais descontrolada…

MARIA – Vamos.

ALICE – Eu não vou fazer isso, me deixa!

Alice e Maria brigam e Lygia as separa.

LYGIA – Vai embora, Maria, você está atrapalhando a nossa reunião.

Maria do Carmo vai embora.

CENA 4. CASA DE NELI. SALA DE ESTAR. INTERNO. TARDE.

Camila discute com Neli.

CAMILA – Quer dizer… que você voltou com o Heitor?

NELI – Sim. Quer dizer… mais ou menos. Algum problema?

CAMILA – Não. Eu só queria conhecer o seu antigo amor!

NELI – O Frederico? Eu vou ligar para ele. Aguenta firme.

Neli liga para Frederico.

CENA 5. PRAIA DE IPANEMA. EXTERNO. TARDE

Maria chega e Milena tira satisfações.

MILENA – Ouvi falar que você implicou com a Alice?

MARIA – Dá licença, não quero mais falar com você.

MILENA – Eu não quero saber. Você vai para cadeia!

MARIA – Por quê? Que eu fiz de errado? Não fiz nada…

MILENA – Você só implica com as pessoas ao seu redor, já agrediu Heloísa, agora você não para de agredir a Alice. Porque você não fica em paz?

MARIA – Eu só implico com as pessoas que me fazem mal!

MILENA – E Heloísa, que fez de mal para você? E Alice, que fez?

MARIA – Tinha ciúmes de Heloísa com Rodolfo. E com Alice, sinto a mesma coisa!

MILENA – Você vê que elas não fizeram nada de mal para você! São só ciúmes doentios que não deixam você em paz! Você tem que se tratar! Você está doente!

CENA 6. CENAS RIO DE JANEIRO. TARDE à NOITE.

CENA 7. CASA DE ABIGAIL. SALA DE ESTAR. INTERNO. NOITE

Vicente e Agenor visitam Patrícia.

VICENTE – Boa noite, Patrícia.

PATRICIA – Boa noite!

VICENTE – O que você previu estava quase certo.

PATRICIA – Como assim quase?

VICENTE – A parte do sequestro você acertou, mas a morte do sequestrador você não previu.

PATRÍCIA – Mataram o sequestrador? Quem era ele?

VICENTE – Um tal de Luciano… Ele foi atingido na nuca. Deram um tiro, mas não resistiu.

CENA 8. CASA DE CLÉO. QUARTO DE ZOÉ. INTERNO. NOITE

Zoé e Cléo conversam com Alice sobre o fracasso inicial do vídeo.

ZOÉ – Não acredito que seu vídeo foi um fracasso!

ALICE – Tudo culpa da Maria do Carmo! Ela destruiu o vídeo inteiro!

CLÉO – Não fala isso…

ZOÉ – Até gravei a briga, coloquei na internet para todos ficarem sabendo que é Maria do Carmo.

CENA 9. 15ª DP. INTERNO. NOITE

Celina e Breno descobrem que Plínio fez ligação da cadeia.

CELINA – O Plínio fez ligação da cadeia?

BRENO – Sim. Está registrada nas câmeras.

CELINA – Pelo amor de Deus! Não acredito! Plínio ligou para o Luciano! E depois, o Plínio ligou para o Fausto para acabar com o advogado!

BRENO – Quer dizer que o Plínio matou Luciano?

CELINA – Sim.

CENA 10. 14ª DP. PÁTIO. INTERNO. NOITE

Plínio é chamado pelo delegado no pátio e é agredido.

PLÍNIO – O que vocês estão fazendo?

Bruno bate Plínio com o chicote.

BRUNO – Para aprender que amigos são para toda vida. Você matou o Luciano, seu comparsa!

Plínio encara Bruno e dá um tapa nele. Os dois trocam socos.

CENA 11.CENAS RIO DE JANEIRO. NOITE à DIA.

CENA 12. CASA DE MARIZETE. SALA DE ESTAR. INTERNO. DIA

Marizete e Maurício conversam sobre o casamento.

MARIZETE – Bom dia!

MAURÍCIO – Bom dia, amor!

Os dois se beijam.

MARIZETE – E nosso casamento?

MAURÍCIO – Então… Vai ser amanhã de manhã, e convidei todos os nossos amigos. Pedi para a empregada de Abigail, a Terê, e a empregada de Milena, Adriana, para me ajudar no casamento.

MARIZETE – Ótima ideia.

MAURÍCIO – Al fim juntos!

CENA 13. CASA DE MILENA. INTERNO.DIA

Cilene invade a casa de Milena e destrói o quarto da empregada.

ADRIANA – Para, Cilene!

Cilene tampa a boca de Adriana.

CILENE – Você vai aprender a nunca roubar meu Jurandir!

ADRIANA – Me solta!

Adriana bate na cara de Cilene.

ADRIANA – Sai da minha casa!

CENA 14. CASA DE CLÉO. SALA DE ESTAR. INTERNO. DIA

Cléo liga para Terê.

CLÉO – Bom dia!

TERÊ – Bom dia, Cléo! Saudades!

CLÉO – E a nova casa?

TERÊ – Estou gostando. É um bom lugar, mas tenho saudades de você!

CLÉO – Me conte, alguma novidade?

TERÊ – Não tantas. A Adriana quase foi sequestrada dentro de sua casa.

CLÉO – Me conte, quero saber todo!

CENA 15. CENAS RIO DE JANEIRO. DIA.

CENA 16. 14ª DP. INTERNO. DIA

Plínio responde as perguntas do delegado sobre a morte de Luciano.

DANILO – Bom dia.

PLÍNIO – Bom dia!

DANILO – Vou fazer algumas perguntas…

PLÍNIO – Manda!

DANILO – É verdade que você matou o Luciano Pederneiras?

anigif

web-dramaturgia

Marcados pela vida – capitulo 44 – ÚLTIMAS SEMANAS

CLASSIFICAÇÃO MARCADOS PELA VIDA

CENA 1. CENAS RIO DE JANEIRO. DIA à TARDE (música: Iron On, Superchunk)

CENA 2. PRAIA DE IPANEMA. EXTERNO. TARDE.

Marizete conversa com Abigail, Mario e Cléo.

ABIGAIL – Porque você está aqui, Marizete?

MARIZETE – Vocês não vão participar do videoclipe da banda de Alice?

MARIO – Tenho uma dúvida: vai ter violência?

Cléo interfere na conversa.

CLÉO – Claro que não, todo mundo é contra a violência!

MARIO – Não, muito obrigado. Não temos nenhum interesse.

ABIGAIL – Mas claro que apoiamos a banda e assistiremos o videoclipe assim que estiver pronto.

CENA 3. RUA VISCONDE DE PIRAJÁ. EXTERNO. TARDE.

Maria do Carmo se encontra com Rodolfo, e implica com ele.

MARIA – Boa tarde.

RODOLFO – Boa tarde.

MARIA – Cadê tua namorada, a Alice?

RODOLFO – Alice? Eu não estou envolvido com nenhuma Alice…

MARIA – Não está envolvido? Você e a Alice Bacelar não andam juntinhos?

RODOLFO – Claro que não! Ela é minha amiga.

MARIA – Amiga? Isso não é o que estou sabendo.

RODOLFO – Não entendi.

MARIA – Eu vi vocês juntos. Assume! Seja homem!

Helena interfere.

HELENA – Deixa o Rodolfo em paz!

MARIA – Você também? Você também é namorada do Rodolfo?

RODOLFO – Vai embora daqui.

Maria do Carmo vai embora depois de ameaçar Rodolfo.

CENA 4. PRAIA DE IPANEMA. EXTERNO. TARDE.

Juliana e Carolina conversam. Mas Maria do Carmo interrompe.

CAROLINA – O que você quer, Maria do Carmo?

MARIA – Eu quero que vocês não sejam amigas.

JULIANA – Olha aqui, Maria do Carmo, sua cobra, olha o que você fala!

Juliana bate em Maria.

MARIA – Eu vou contar para todo mundo que vocês duas estão tendo um caso!!

Aí aparece o cara do Elantra e dá um tiro em Maria do Carmo. Ela foge.

JULIANA – Não entendi… O que está acontecendo?

CENA 5. CASA DE ABIGAIL. SALA DE ESTAR. INTERNO. TARDE

Terê conversa com Patrícia.

PATRÍCIA – Como você se chama?

TERÊ – Teresa, mas me chame de Terê.

PATRÍCIA – Terê, você viu minha mãe?

TERÊ – Sim, eu estou servindo um almoço para ela e os amigos. Ela está no quarto e já está vindo para aça.

PATRÍCIA – É urgente, preciso falar com ela.

Patrícia vai para o quarto de Abigail.

CENA 6. CASA DE ABIGAIL. QUARTO. INTERNO. TARDE

Abigail vê a filha e cumprimenta.

ABIGAIL – Boa tarde, filha, tudo bem?

PATRÍCIA – Tudo bem. (com ar de estranheza).

ABIGAIL – Que foi?

PATRÍCIA – Meu Deus, mãe tive um pesadelo!

ABIGAIL – Me conte filha, estou aqui para escutá-la.

PATRÍCIA – Vicente vai ser sequestrado pelo meu pai.

ABIGAIL – Peraí, o Plínio vai sequestrar o Vicente? Não pode ser, ele está preso!

PATRÍCIA – Sim, Vicente, filho de Agenor vai ser sequestrado e vai ser levado para o bairro do Bangu.

ABIGAIL – Filha, é só um sonho.

Terê interfere na conversa.

TERÊ – Por essa não esperava. Vai acontecer isso mesmo. Eu tive essa mesma visão.

CENA 7. CENAS RIO DE JANEIRO. TARDE à NOITE. (Música: The War is Over, Matthew Good Band).

CENA 8. CASA DE MARIZETE. SALA DE ESTAR. INTERNO. NOITE.

Abigail vai para a casa de Marizete e Maurício e conversa com eles.

ABIGAIL – Boa noite.

MARIZETE – Boa noite, que cara é essa?

ABIGAIL – O Plínio não vai parar mesmo estando na cadeia.

MAURÍCIO – O que está acontecendo?

ABIGAIL – O Plínio vai mandar sequestrar o filho de Agenor, Vicente.

MARIZETE – Qual é a razão disso, Abigail?

ABIGAIL – O Vicente tem ligação com a Patrícia. (a Maurício) Maurício, tome providência: fale com a Tenente Celina que o Plínio tem comparsas que realizam suas ordens fora da cadeia.

MAURÍCIO – Como assim?

ABIGAIL – Temos que encontrar provas de que o Plínio é um delinquente. Eu estou torcendo, pelo menos, que fique em uma cadeia de segurança máxima. Eu quero ser feliz, não vou deixar que esse infeliz acabe com minha vida.

MAURÍCIO – Está bem. Estou com você.

MARIZETE – E eu também.

Marizete, Maurício e Abigail fazem o pacto.

CENA 9. 14ª DP. INTERNO. NOITE.

Plínio consegue um celular na cadeia e liga para Luciano.

PLÍNIO – Luciano, escuta bem!

LUCIANO – Plínio?

PLÍNIO – Tenho um trabalho para você, é urgente.

LUCIANO – Sim patrão, pode falar.

PLÍNIO – Vá a este endereço, Rua Visconde do Pirajá, 354, e sequestre Vicente Souza, o namorado da minha filha.

LUCIANO – O que quer que eu faça com ele?

PLÍNIO – Que o leve em nosso lugar secreto em Bangu… lá é o fim do mundo.

LUCIANO – Pode deixar.

PLÍNIO – Eu ligo de volta para você.

CENA 10. RESTAURANTE BOM GOSTO. INTERNO. NOITE.

Frederico e Heitor se reencontram.

FREDERICO – Boa noite, Heitor Schneider.

HEITOR – Boa noite. Veio procurar a Neli… A Neli é minha!

FREDERICO – Só quero falar com ela, é urgente.

HEITOR – Urgente? Se é urgente, fala comigo!

FREDERICO – É só com a Neli… por favor. Pode chamá-la para mim?

HEITOR (a Neli) – NELI! Um amigo seu está querendo falar com você!!

Neli entra na conversa.

FREDERICO – Neli, por favor, fale comigo, por favor, preciso de você!

HEITOR – Isso era urgente? Cafajeste! Sai daqui! Já!

FREDERICO – Neli, eu volto! Eu nunca vou te deixar!

CENA 11. CENAS DE RIO DE JANEIRO. NOITE à DIA.

CENA 12. HOSPITAL TUDO PARA VIVER. SALA DE INTERNAÇÃO. INTERNO. DIA

Dr. Eduardo dá a noticia para Cléo.

  1. EDUARDO – Boas noticias!

CLÉO – Pode falar, doutor.

  1. EDUARDO – A Alice hoje pode sair do hospital. Fizemos uma nova avaliação e ela já está pronta para ter uma nova vida sem problemas.

CLÉO – Obrigada, doutor! Vou dar a notícia para a minha filha.

CENA 13. PRAIA DE IPANEMA. EXTERNO. DIA

Alice conversa com Clarice.

ALICE – Oi Clarice!

CLARICE – Alice, que bom você estar aqui!

ALICE – Muito obrigada. Já vou gravar o vídeo.

CLARICE – Perfeito. Eu, a Odete e a Lygia estamos te esperando. Beijos.

ALICE – Estou muito ansiosa. Estou indo, beijos.

CENA 14. 15ª DP. INTERNO. DIA

Maurício conversa com Celina.

MAURÍCIO – Boa tarde!

CELINA – Boa tarde! Me lembro de você no aeroporto!

MAURÍCIO – Sim, é verdade, mas estou aqui para te contar algo terrível: o Plínio vai mandar o advogado dele, Luciano Pederneiras, para sequestrar o filho de Agenor Souza. O nome da vítima é Vicente Souza.

CELINA – Luciano? Quem ele é de Plínio?

MAURÍCIO – Comparsa. Ele é comparsa de Plínio há muitos anos e foi o mandante de matar a Maria Luiza Batista.(entrega as provas a Celina). Aqui estão as provas do caso Maria Luiza em 1990.

CELINA – Está bem. Muito obrigada, vou analisar todo este material, e não se preocupe, estarei de olho em Luciano.

MAURÍCIO – Obrigado, Tenente Celina.

CENA 15.CENAS DE RIO DE JANEIRO. DIA

CENA 16. RUA VISCONDE DO PIRAJÁ. EXTERNO. DIA

Luciano fica de olho em Vicente, avança alguns metros e sequestra Vicente.

VICENTE – Me solta!

AGENOR- Solta o garoto!

LUCIANO – Não solto não e exijo R$1 milhão para o resgate!

O Luciano vai embora levando o Vicente.

anigif

web-dramaturgia